Domingo, 25 de Maio de 2008

[47] Damásio e a consciência

 

       No meu post [44] tive a oportunidade de chamar a atenção para eventuais confusões entre mente e espírito, por efeito da existência, ou não, de palavras distintas para esses dois conceitos, com implicações semânticas evidentes.

       Hoje, queria abordar,com um intuito semelhante, o termo consciência. Para esse efeito vou socorrer-me do livro de António Damásio, O Sentimento de Si, do qual me limito a extrair alguns excertos seleccionados. Assim, o resto deste post é uma citação.

 

       A preocupação com aquilo a que hoje chamamos consciência é recente -- data, talvez, de há três séculos e meio -- e só vem para primeiro plano no fim do século XX.

       (...). [na história da língua inglesa] a palavra conscience, que vem do latim con e scientia, e que sugere a recolha e agregação de conhecimentos, está em uso desde o século XIII. (Na língua inglesa existem dois termos para consciência : conscience, que corresponde ao português consciência moral, e consciousness, que corresponde a consciência.) No entanto, as palavras consciousness e conscious (consciente) só aparecem na primeira metade do século XVII, muito depois da morte de Shakespeare (...).

       Em inglês e em alemão existem palavras diferentes para designar conscience e counscieousness. Em alemão, a palavra para «consciência» é Bewusstsein e a palavra para «consciência moral» é Gewissen. Contudo, nas línguas românicas, existe uma única palavra para referir quer conscience quer counsciousness. Quando traduzo a palavra unconscous para francês (inconscient) ou para português (inconsciente), posso estar a referir-me quer a uma pessoa que se encontra em estado de coma, quer a uma pessoa cujo comportamento é unsconscinable (moralmente inaceitável). (,,,) nas línguas românicas apenas o contexto pode revelar o significado que se pretende. A propósito deste assunto devo dizer que as questões podem complicar-se bastante, embora sejam sempre interessantes. Em certas línguas românicas, como o francês e o português, também nos podemos referir à consciência com uma palavra que designa a agregação do saber, em francês connaissance e em português conhecimento. É de notar que, uma vez mais, a palavra para consciência se refere a «factos conhecidos», presumivelmente o facto de que existe um si e de que existem conhecimentos que lhe são atribuídos. Qualquer que seja a palavra para consciência, nunca estamos longe da noção de conhecimento abrangente, testemunhando variações sobre o con (uma abrangência) e a scientia (factos, científicos ou não).

 

 

publicado por Transdisciplinar às 06:16
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 14 de Abril de 2008

Alan Watts e o pensamento oriental

" Tauismo e zen são ambos fundados sobre uma filosofia da relatividade, mas esta filosofia não é somente especulativa. Trata-se de uma disciplina do despertar que tem como resultado fazer experimentar de  maneira permanente a sensação  da inter-relação de todas as  coisas e de todos os acontecimentos entre  si. Esta sensação é subjacente e suporta a consciência habitual que nós temos do mundo como uma colecção de  coisas diferentes e separadas -- estado de consciência que, em si mesmo, é chamado avidya (ignorância) pela filosofia búdica, porque, reparando só nas diferenças, ignora as relações das coisas entre elas. Não capta, por exemplo, que pensamento e estrutura, forma e espaço, são tão inseparáveis como o verso e o reverso, nem que o indivíduo está tão estreitamente emaranhado com o universo que um  e outro formam  um  único  corpo. "


Alan W.Watts, The Joyous Cosmology




publicado por Transdisciplinar às 23:22
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.links

.tags

. todas as tags

.favorito

. [32] CULTURA COMBINATÓRI...

. [30] Conhecimento

. Ainda sobre o Dharma (2)

. Ainda sobre o Dharma

. Citando...

. FRAGMENTOS PARA UM DEBATE

. CULTURA COMBINATÓRIA (2)

. CULTURA COMBINATÓRIA (1)

.posts recentes

. [47] Damásio e a consciên...

. Alan Watts e o pensamento...

blogs SAPO

.subscrever feeds